João Etienne

Carta 1

Caratinga, 01 janeiro de 1940

Murilo Rubião: salve!

Como vai esta bizarria? (lembro-me agora que comecei o cartão para o João Camilo da mesma forma! La recherche de l’ originalité ... mas não vou estragar a folha do papel...). Que me conta disto aí? A turma se tem reunido? Como vai o gordo J. Camilo? E o jornalista doublé de poeta? E o loquaz Nazareno. E mais quem? Ah! E o Marques? No dia 6, pelo seu aniversário, V. pode me representar, Murilo. Se houver o tal jantar de “Mensagem” pode comer por dois. Vou passar um telegrama ao renomado escritor, a quem, aliás, V. vai agradecer, por mim, o presente do seu excelente livro para crianças, que aqui em casa foi encanto da garotada. Você arranjou o tal emprego? Desejo isto, caríssimo. A surpresa que ia lhe dar era “A vida literária” de Eça”. Mas à última hora houve um repentino desequilíbrio econômico. Quando eu voltar dar-lhe-ei ou emprestar-lhe-ei o livro. Depende da recepção que eu tiver. Vou chegar aí mais gordo do que o João Camilo, a julgar pela boa vida que levo. Adeus. Escreva-me, dê notícias de tudo e de todos. Queira-me bem sempre ( como diz o meu grande amigo e notabilíssimo poeta Karam!) e abrace o seu, pelo coração.

Etienne


Carlos Drummond
Fernando Sabino
Henriqueta Lisboa
João Cabral
João Etienne
Carta 1
Carta 2
Mario de Andrade
Murilo Mendes
Murilo Rubião
Pedro Nava
Silviano Santiago
Várias
   
© 2012 . Murilo Rubião . Todos os direitos reservados